21 de dezembro de 2017 às 00:00
A partir de Bach

Nosso amor
Fora do corpo
Fora do tempo
Livre no espaço
Em seu compasso

O amor que tanto se quis
Sem saber ao certo de onde vem
O que tem
Ou para onde vai
Um sonho de paz
Que a cada dia se refaz
Feliz

Inteiro como o vão segundo
Amor de muitos mundos
Muitas vidas
Vazio de respostas
Cheio de boas perguntas
Almas que vão juntas
Pelo prazer de viver e reviver
E de estar e ser
A qualquer hora
Em qualquer lugar
Que nunca vai embora
Que não sabe dizer adeus
Porque adeus não há
Para o que é eternamente seu

© CIA DO AR. AÇÕES EM CULTURA 2018  |   DESENVOLVIDO POR CRIWEB  |   PROGRAMADOR LED LEMOS  |   POLÍTICA DE PRIVACIDADE